domingo, 3 de fevereiro de 2013

38

Amor Platônico - Japão

Declarar seu amor pode levar anos? Para os Japoneses sim...

   Fiz um post sobre o dia dos namorados na última vez a trocentos anos(Confira o Post Aqui). Foquei bastante no fato dos namoros do japoneses. Porém aqui nesse post o meu foco somos NÓS, os brasileiros.

   Você está apaixonado(a) por uma pessoa, você demoraria realmente tanto tempo para declarar essa paixão para a pessoa amada? Um tempo que leve anos?

   Todos nos já tivemos nosso primeiro amor, o chamado também as vezes dependendo dos casos, de amor platônico .Aquele sentimento que você tem pela outra pessoa, mas a mesma nem sabe que você existe, ou as vezes sabe, porem não imagina desse sentimento guardado em si.
   E claro, irei comentar de alguns dramas no qual relataram esses casos de amores que apenas se revelaram anos depois.

   Quem acompanha o blog desde o começo, deve ter percebido que sou totalmente viciada no anime Itazura na Kiss, e consequentemente adorei as adaptações feitas. Porém a que eu vou focar no momento ,será a adaptação em Kdrama. Onde a nossa principal passa 3 anos apaixonada pelo garoto principal. E aí vem a pergunta... 

   Você ficaria ou já ficou apaixonada por alguém durante 3 anos sem ao menos se revelar?

   Certamente você deve está pensando ou passou pela sua cabeça : "Por quê ela está fazendo esse tipo de post em um site de dramas e animes ? O.o". Mas vamos chegar lá.

  Já vi alguns casos de pessoas que ficaram sim, pode-se dizer que ficaram "encantadas" e esse "Encantamento" durou muito tempo mesmo.
  Ainda no mesmo Kdrama, temos Bong Joon , que é amigo da nossa principal e apaixonada por ela secretamente, onde passa 5 anos sem revelar seu amor. Muito tempo não? Para os japoneses é completamente normal, ao menos é isso que dá a entender. Apesar de eu ter citados os japonese, vale lembrar que esse Kdrama é uma adaptação de um anime japonês ok?
   Particularmente , não sei se ficaria encantada por uma pessoa assim por tanto tempo, a não ser que eu fosse próxima a ela e convivesse diariamente, aí quem sabe. Mas vamos combinar que esse tempo todo em "silêncio amoroso" não dá pra nós brasileiros não é mesmo? Ou fala logo, ou parte pra outra. Fim de papo.
   Isso parte de cultura para cultura, o que acho lindo nos japoneses(Lembrando que apesar de eu ter colocado exemplo de um kdrama, estou focando nos Japoneses), pois é claro que eles tratam esse negocio de romance e amor bem mais profundo que nós brasileiros. Tanto que os Jdramas focados em romance é uma enrolada pra o casal fica junto, onde o primeiro beijo deles as vezes acontece apenas no ultimo episodio do dorama!
   Quem é mais tímido vai achar o método japonês melhor de se relacionar, mas para quem já é mais “atirado” não no sentido geral da palavra, deve achar um absurdo demorar tanto tempo para beijar a pessoa que está afim.
   Lembro de quanto estava assistindo ao dorama Hana Yori Dango, no qual foi o primeiro Jdrama que vi, estava lentamente entrando nesse mundo doramaniaco. E dou de cara com o primeiro beijo de Makino e Dommyouji em uma festa. Minha primeira impressão para quem não sabia de nada desses dramas japoneses foi : Eles fizeram o maior auê por causa de um selinho??!!! Nem lingua teve!
   Ao pensar isso, fiquei bastante intrigada, ate que eu soube como são as relações amorosas japonesas.
   Trazendo um pouco da realidade brasileira, quando ficamos afim de alguém,  costumamos fazer de tudo para “ficar” com aquela tal pessoa certo? No japão não tem essa de “ficar”, eles prezam bastante pelos sentimentos, e sem contar que são bastante tímidos  .Não que aqui não se preze, mas nós brasileiros temos uma jogada mais atrevida de ser, o que acho até mais...Divertido digamos assim. 
Mas onde eu quero chegar com essa comparação?

   Em lugar algum shauhsauhs. Só queria comentar e comparar mesmo, mostrar que essa timidez dos japoneses é completamente normal, tão normal que eles passam anos pra contar a pessoa amada que a ama e mais anos para revelar apenas que acha a tal pessoa bonita. 
   O meu lado psicologicamente japa admira essa forma que eles tratam esses assuntos, pode parecer meio tempo da vovó para os brasileiros, mas vamos admitir, é romântico não é? As vezes dá nos nervos querer logo que o casal do drama beije e se relacione,mas tudo bem.

   Se bem que ainda acho um absurdo ficar 5 anos com um amor platônico. Mas enfim...


Moral da história : Se você quer sentir a “pegada da vida”, namore algum brasileiro.
Se você é paciente e quer se sentir em um dorama, namore um japonês. Ou reze para  aparecer os extintos caras românticos brasileiros . E sim, existem caras românticos, apesar de ser difícil.


38 comentários :

  1. Me lembro minha angustia no primeiro drama, que tbm foi japonês, mas depois de um tempo olhando eu achava a coisa mais linda do mundo aquele selinho, simples e completo de sentimentos sempre no último episódio HAHAH
    BEIJOS
    http://hallyudramas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo sente essa angustia kkkkkkkk,mas é lindo !! *.*

      Excluir
  2. OMD Amo Itazura na Kiss! *w*

    http://girly-chanblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Achei muito legal esse post. Se importa se eu postar no meu blog tbm, vou te dar os créditos!: http://lovedramas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. A diferenca dos japoneses com os brasileiros, é que os japoneses são extremamente tímidos em se tratando de amor, já os brasileiros não estão nem aí, vão p/ cima msm, se deu certo deu e se não deu, próxima da fila, rs... eqto que um japonês, se levar um fora é como se o mundo acabasse p/ ele. Por isso o medo enorme de se declarar. Na questão do beijo, sou mais um beijinho inocente, tipo selinho, do que aqueles de um comendo a boca do outro, que p/ mim, beijo assim parece que não transmite amor, paixão, fica parecendo um beijo selvagem sem sentimento.

    ResponderExcluir
  5. olha o meu primeiro dorama também foi hana yori dango (japonese)
    eu morria de raiva também pois mesmo depois deles estarem juntos nunca se beijavam, logico eu já sabia que japoneses eram assim pois via muitos animes e lia mangá...Eu gostei do post, acho que você sempre tem posts originais...Ah e sim, eu já tive um amor platônico por alguem, eu era bem pequena tinha uns 6 anos e gostei dele até os meus 12 anos, sim eu amei um garoto durante 6 anos, mais eu sempre falava para ele e ele queria me bater por achar que eu tava brincando hahaha
    Bom flor no meu blog tem uma tag para você, visita!!
    http://dul-chan.blogspot.com.br/2013/02/tags-que-recebi.html

    ResponderExcluir
  6. Amor verdadeiro só no japão e na coréia do sul, lá o sentimento de amor não é apenas físico .Eles respeitam e admiram á pessoa amada.

    ResponderExcluir
  7. Gente, eu estou começando com o meu blog agora, e queria muito que vocês me ajudassem ^-^ basta seguir e comentar, me ajudem? por favorzinho ?! *-*

    http://reinadodasotomeskawaiis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Gostei do seu post, esta muito bom, mas acho que temos que levar em consideração que os doramas não retratam toda realidade no Japão e na Coreia, são entreterimento, são feitos para deicharem o publico ligado, o que não que disser que os orientais são mais romanticos do que nos brasileiro, falar que todo Japones é timido e romantico, e como falar que todo Brasileiro é alegre e brincalhão, o fato de nos brasileiro somos mais despachados por assim disser na minha opinião é por que vivemos em um pais mais aberto, diferente da Corea e do Japão que são mais tradisionais.
    Quanto aos beijos dos doramas, pelo que eu saiba no Japão não tinha essa cultura de se beijar na boca é algum um pouco novo para eles, e tanto que la eles Kissu, que vem do Kiss que é beijos em Ingles.
    Mas venho notando que nos doramas mais novos principalmente na Coreia os beijos estão ficando mais ousados.

    ResponderExcluir
  9. O problema dos amores platônicos é que na maioria das vezes esse amor é idealizado, geralmente a personagens de animes e dramas ficam 3, 4, 5 anos pensando em um cara que nem seque tiveram uma conversa, ou seja ela se apaixona pela imagem dele, e nesse amor platônico ela cria milhões de histórias que muitas vezes podem n acontecer de verdade, e isso pode ser um pouco frustrante se vc passar a ver que a realidade nunca vai ser melhor que a fantasia, já que ela idealiza um ser humano perfeito e nenhum de nós é perfeito. Mas mesmo não acreditando nesse tipo de amor eu continuo torcendo pras mocinhas conquistarem logo o gato e tascar em um beijão no prota( selinho serve!) kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é verdade, os personagens se apaixonam pela ideia de apaixonar, por isso muitas vezes isso é visto como algo bobo, e de fato é....
      kkkkkkkk,somos duas! Como o mais esperado é sempre selinho, eu já espero selinho mesmo kkkk. Se bem que podiam dar aqueles beijõoooes ¬¬"
      O primeiro shoujo que assistir foi Itazura Na Kiss(por isso é o meu favorito, pelo fato de eu ter me apagado), A garota fica 3 anos apaixonada pelo carinha, e ele nem aí...Dava raiva!!

      Excluir
  10. Sou Japonesa, fiquei apaixonada por um garoto durante uns 4 anos e nunca contei para ele kkkkkkkkkkkk, mas é disso q gosto mais nos animes ou nos doramas, eles sentem amor e depois que tem a certeza que amam eles querem cuidar da pessoa amada. O primeiro anime q vi na internet foi Karekano, quando eles começaram a namorar nem na mão eles pegavam direito kkkkkkkkkk, foi irritante, chocante (já que foi o primeiro shoujo q tinha visto)mas o melhor é que foi apaixonante... Sinceramente acho que preferia um amor assim, onde um cuida do outro e depois vem os amassos, no Brasil é totalmente o contrário, lendo assim parece até uma falta de respeito =/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. éé! Eu penso EXATAMENTE da mesma forma, tanto que as vezes acho que deveria ter nascido lá, ou no tempo da vovô, onde as coisas eram mais devagar sabe?(Sim, eu sou devagar pra essas coisas, até pra saber se tem alguém afim de mim ,demoro séculos pra perceber kkkkkkk).
      Mas é justamente essa coisa "Devagar" dos japoneses que é profundo,eles realmente valorizam um ao outro. Aqui do Brasil tem suas exceções claro, mas em sua maioria não valorizam tanto quando lá.
      Vc ficou 4 anos ?! O.o , concerteza nesse meio tempo eu já teria jogado um monde de indireta ou partido pra outra kkkkkkkk, o meu máximo de ficar afim de um menino foi 2 anos, e ainda não contei pra ele .-. , o resto foi 1 ano...E olhe lá.
      O meu primeiro shoujo foi Itazura na Kiss como citei no post e realmente, dava um choque te tão "distante" que as coisas eram ¬¬"

      Excluir
  11. Eu acho super lindo esse tipo de cultura, pois geralmente eles terminam por dar mais valor aos sentimentos alheios (diferentemente daqui). Eu sei como é ficar cinco anos apaixonada por um garoto que nem dava bola para mim, pois fiquei. E o pior de tudo só fiquei com esse garoto umas 3 vezes e todas porque AMIGOS imploraram para ele ficar, me senti humilhada. E o pior de tudo é saber que ele não me achava feia, nem nada, simplesmente só não me queria. ;/
    Hoje eu chego a conclusão que esses amores platonicos são lindos, no entanto eu me recusaria a viver um de novo, se eu quero ficar adoto o estilo brasileiro mesmo porque se não você acaba que deixa o tempo passa e não vive nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já passei por isso! O menino não me achava feia e nem nada, até me achava legal e td, mas simplesmente não queria... Não gosto de viver esses amores platônicos,mas vamos combinar...é divertido depois que passa kkk (Só depois que passa, deixando claro! O.o)
      Por isso as vezes acho que era melhor eu ter nascido no Japão, ia me adaptar melhor a esse tipo de coisa

      Excluir
  12. Sou a rainha do platonismo, devo ser reencarnação daquele cretino do Platão pra ter esse DNA infeliz, mas o fato é, adorooooo ficar na expectativa, é tão inocente, bonito, ninguém se machuca, de uns tempos pra cá que percebi que é bem chato também, to tentando mudar isso em mim, hei, o Bong Joon sempre se declarou pra tonta da Oh Ha Ni(adoro o nome dela), tanto é que ele vive perseguindo, e isso acontece também em todas as versões, ele nunca foi correspondido, o que já é outra coisa, muda, não é mais platônico quando ele declara seu amor e fica o resto dos anos tentando fazer quando ela note ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério que vc gosta???? Eu detesto! Gosto das situações diretas,que seja lento..Mas direta.
      kkkk O nome dela é realmente lindo, Oh Ha Ni, mas concordo com vc, assim que o Boog Joon se declara, não fica sendo mais amor platônico, mas mesmo assim sabe?

      Excluir
  13. eu sempre fui muito reservada, acho q deveria ter nascido no Japão, tive amor platônico de 4 anos, não sou muito velha tenho 14 anos e gosto de um rapaz desde meus 10 anos, mas nunca disse nada, agora desisti, pois fomos brutalmente separados pelo destino e nesse ano superei essa paixão, e já parti pro próximo, só q eu ao menos já fiz algo, eu mandei uma carta de amor, o q não é muito normal no Brasil, mas não tinha outra maneira, e era anonima, ou seja é a mesma coisa de não ter feito merda nenhuma, mas acho que deu para amadurecer um pouco, não quero esquecer minha paixão de 4 anos, ainda gosto do cara e se um dia encontrá-lo novamente quero agarrar ele no meio da rua(num vai rolá), gostei da sua comparação, mas reavaliando minha situação sou uma brasileira bem exótica e acho que a dona cegonha me deixou no lugar errado, ou não(sou brasileira em todos os sentidos), ou eu que tenho uma personalidade diferente, e acho que deve irritar uma pessoa reservada, ela num diz nada, é sonsa perto da pessoa que gosta, e quase não sai voz quando ela fala com o cara, acho que vou viajar para o japão e encontrar um cara como eu lá, apesar de não ter homens muito bonitos lá, foda-se.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tamos juntas colega ! Tbm sou bem brasileira mesmo,mas tem algumas coisinhas mínimas q me fazem ser super diferente e me comparo muito com os japoneses. Tive tbm amores platônicos, e eu de alguma forma queria falar,mas as soluções q eu via era bem "infantis" digamos assim se for comparar com fazem hoje em dia.
      Eu normalmente digo q nasci no lugar errado ou na época errada,pq n é possível!

      Excluir
  14. Quase que morri e desisti de ler depois que li: "Você ficaria apaixonado por alguém pro 3 anos sem ao menos se revelar?" E eu tipo assim: "Porque a pergunta? QUEM LHE CONTOU?! EU N DISSE ISSO A NINGUÉM! COMO VOCÊ SABE? PAARA DE ME JULGAR!!!!!!!!" E no fim do post: "#AiMeuDeus Eu sou japa?!" Agora: "Ai que vergonha faz 4 anos que tou apaixonado por ela, e nunca nem ao menos contei :/ MINHA VIDA ACABOU!"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaaaaaaaaaaaa, seriooooo? 4 anos ??!! Ohh conta!! >< Assim, se houve um pingo de esperança claro! Esse negócio de não contar por anos pode ser tão bonito ou tão terrível dependendo do ponto de vista :/
      Somos dois! Eu demoro pra gostar de uma pessoa, mas quando gosto ...Demoro pra contar, na verdade eu nunca contei '-' O meu máximo foi 2 anos , partindo pro 3º ano eu já tentei esquecer(Não era possível MESMO)
      As vezes penso e tenho certeza...Nasci no país com princípios errados, ou no país certo mas no tempo errado! =/

      Excluir
  15. tipo so não entendi a foto de devil besid you que é de tawain e play full kiss que é koreano fofa

    ResponderExcluir
  16. olá Sandi,
    meu nome é Raul, encontrei seu post no google e achei muito bom.
    Posso te pedir uma opinião?
    Tenho um amor platônico por uma ex-colega de trabalho. Eu me mudei, estou no RS e ela no PR. Ela namora um rapaz há um tempo (desde o tempo em que nos conhecemos), mas mesmo assim creio que "rolou uma química" entre nós, mas nada aconteceu. Nos falávamos pouco, e hoje muito menos, zero. O máximo que ocorreu foi ela saber que eu a achava bonita, e ficou vermelha feito uma pimenta.
    Acha que vale à pena eu contar a ela? Não quero atrapalhar a vida dela e, na verdade, acho que a amo tanto que preferi deixa-la bem, do jeito que parecia estar (feliz). O que eu havia pensado era em fazer isso pra um (im)provável futuro entre a gente, aquela coisa de "é melhor dizer do que não dizer". Mas será que isso vale à pena? tenho medo disso ser egoísmo (tentar compartilhar meus problemas psíquicos com o outro). A distância não é problema pra mim, uma vez que sou um escorpiano, daqueles que faz e já fez loucuras do tipo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra começar, ela em algum momento (tirando o elogio que ela ficou vermelha feito pimenta) deu indícios que poderia ter sentindo alguma atração por você?
      Acho que você deve contar sim, creio que uma das piores coisas que pode acontecer, é o ser humano ficar guardando sentimentos pra si.
      Falaria com ela e contaria tudo o que você sente, o que pode acontecer com a revelação seria : Ou ela te respeitaria,mas não poderia fazer nada já que está numa relação estável com o namorado.
      Ou ela ficaria super confusa.
      Ou te corresponderia.
      Mas ao contar, fale com sinceridade que você não quer vê-la confusa ou coisa do tipo, que apenas queria que ela soubesse como você se sente todo esse tempo. Contudo fique certo que o ato de contar não é a garantia que ela vai querer você, até porquê ela está comprometida e se já está a um tempo...É uma relação estável, veja isso como uma TENTATIVA pra você mesmo. O bom de você contar também, é poder saber o que exatamente ela sente por você, se pode ser amizade, atração, ou nada. Afinal, você gosta dela...Mas não sabe ao certo se ELA sente o mesmo. Mas se a relação dela com o namorado for boa, acho melhor partir pra outra. Acredite, sempre tem alguém esperando na fila ^^
      Não sei se ajudei,mas pelo menos tentei (:

      Excluir
    2. Sim, ajudou sim...
      Acabei de escrever pra ela. Foi muito difícil, mas espero que tenha feito o certo.
      Obrigado por sua ajuda :)
      parabéns pelo blog.

      Excluir
  17. eu acho muito lindo esse jeito dos japoneses, gostaria de ter nascido la.

    ResponderExcluir
  18. Nossa, achei bem interessante o post, e sabe, quando eu assisti o Kdrama de Itazura na Kiss (não só o kdrama, mas o anime tbm) eu senti uma semelhança entre eu a principal ... Pelo simples fato de que eu já tive um amor platônico por alguém durante uns 6 anos (eu acho kk) ,, mas claro, infelizmente minha história não acabou como a dela (triste T^T)
    Enfim, acho que isso depende da pessoa, é mais provável uma pessoa tímida ter um amor platônico do uma pessoa mais "sem vergonha" (não sei essa é a palavra mas acho que dá pra entender kk), só acho! Mas claro que isso não é "regra", uma pessoa "atirada" (como você disse) pode sim esconder um amor platônico (nunca se sabe né!?) ;)
    - http://kpopsandanimes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, 6 anos? Sério =O O meu máximo foram dois (E não acabou nada bem por sinal) Kotoko é o que eu chamaria de sortuda!
      Mas é isso mesmo, normalmente as pessoas mas tímidas é que tem esses amores platônicos, mas creio que as mais atiradas tbm, mesmo não admitindo..Bem que sabe kkkk

      Excluir
  19. Eu já passei 5 anos gostando da pessoa (melhor amiga), levei um fora e passei mais um ano "chorando" de coração partido. Haha

    Gosto que no Japão as coisas não parecem ser tão forçadas a acontecer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vishhhh ,bem que dizem que a pessoa precisa de pelo menos 1 ano pra superar o amor não correspondido :o

      éé, lá parece ser tão mais natural, admiro muito esse lado deles!

      Excluir
  20. eu atualmente estou com amor platonico por um personagem de anime o naruto,nao sei o porque ja sou uma mulher de 28anos mas sozinha,assisto os episodios e acabei idiotamente sentindo por suas qualidades,a de se colocar no lugar das pessoas se sensibilizar,é loucura eu sei estou envergonhada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu era APAIXONADA pelo Kakashi,meu celular era cheio de foto dele e meu computador nem se fala kk normal mulher, relaxa kkk ;)

      Excluir
  21. se eu falar que sou um cara,kkkk

    ResponderExcluir
  22. Cada vez eu me convenço mais de que o Japão é meu lugar, até nisso eu me identifico.

    ResponderExcluir
  23. Respostas
    1. Fico super feliz com seu comentário Anna, volte sempre e comente sempre! Bjãao!! *-*

      Excluir

Quer comentar algo? Fique a vontade! Lembre-se que seu comentário é o motor do blog =D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...