sábado, 6 de agosto de 2016

2

Descendants of the Sun

   E esse kdrama de 2016 mexeu com todos os meus sentidos doramaniacos que eu podia ter nessa reta final das férias. Descendants of the Sun fascina por sua história de romance com muita ação, pitada de comédia e uma fotografia INCRÍVEL.

   Sendo atuado pelo ator gatíssimo Joong Ki, Descendentes do Sol encara uma viagem no mundo militar e médico. 

Temas: Ação + Militar + Médico + Romance + Comédia + Drama + Homens bonitos

Vamos lá !

   Conhecemos Yoo Shi-Jin, atuado pelo gato do Song Joong-Ki (Que você pode ver um post dele aqui do blog NESSE LINK), ele é capitão das forças especiais na Coreia do Sul. Logo no primeiro episódio ele pega um ladrão de motocicleta com o seu parceiro que também trabalha nas forças armadas Seo Dae Young. O ladrão acaba ferido durante a ação e é levado para o hospital.

   Porém após ele ser levado, Dae Young percebe que o cara ainda conseguiu roubar seu celular, então eles se encaminham para o hospital para tentar recuperar.

   No hospital o nosso capitão encontra pela primeira vez uma médica chamada Kang Mo Yeon, e se apaixona a primeira vista por ela. Mas não é uma paixão daquelas avassaladoras e sem noção, é uma paixão mais por beleza pois ele fica encantado de ver uma médica tão bonita. Porém a médica acha que o capitão na verdade seja um criminoso que estava trabalhando justamente com o ladrão. Apesar de tentar explicar a verdade sobre o roubo do celular, a nossa médica não acredita nele.

   Apesar de um primeiro encontro estranho entre eles, nossos principais acabam se aproximando um do outro e se sentindo atraído. Porém Yoo Shi-Jin não pode revelar a Kang Mo Yeon que trabalha em missões secretas do governo, o máximo que ele pode dizer é que é um soldado.

   Um dia Yoo Shi-Jin é enviado por 8 meses para um local chamado Uruk, no Ocidente. Porém ele não avisa para Mo Yeon para onde e vai e se despede dela pensando em não vê-la mais tão cedo.

   8 meses depois, Mo Yeon é assediada pelo diretor do hospital que trabalha. Sem papas na língua, nossa principal rejeita o assédio, fazendo com o que o diretor se vingue dela, mandando um equipe médica para fazer trabalho voluntário por um certo tempo em Uruk, e claro, Mo Yeon é a primeira da lista a ser mandada.

   Já em Uruk, ela e sua equipe médica se encontram com vários soldados das forças armadas, e entre eles nosso principal gato, Shi Jin, que acaba reencontrando a médica.

Personagens 

   Si Jin foi a minha gasolina em todo o drama, sério, esse cara só faz kdrama bom! Eita homem gostoso! Joong Ki interpreta nosso capitão Si Jin que trabalha a uns 15 anos no exército e por isso é muito habilidoso no que faz. Após ver pela primeira vez a médica Mo Yeon, ele se apaixona inicialmente por sua beleza, porém com o tempo ele começa a gostar de verdade dela.

   So Jin é um típico personagem que agrada as mulheres. Bonito, malhado, atencioso, romântico e engraçado e sempre está disposto a salvar a mulher que ama. Inicialmente ele e a médica demoram um pouco para se revelarem que gostam um do outro de verdade, porém com o tempo notamos a incrível química que os atores possuíam e acabamos amando o casal.

   Adorei o papel dele e se encaixou no que eu estava imaginando. Novamente o ator Soong Ki faz seu personagem com tamanha grandeza, após ter visto há um tempo um outro kdrama dele que super recomendo que se chamado The Innocent Man (Resenha AQUI NO BLOG), fiquei fascinada por esse ator, e comecei a ver Descendants of the Sun sem saber que era ele que interpretava, pois eu fui só pela resenha que me atraiu inicialmente.

   Sabe aquele tipo de personagem que além de charmoso é engraçado? Ele se encaixa perfeitamente nesse quadro. Si Jin é um cara habilidoso e bonito, mas suas piadas em alguns contextos de alguns episódios melhoravam ainda mais o clima gostoso que o drama estava trazendo, me fazendo querer assistir mais e mais para ver essa carinha linda.

   Eu nunca tinha gostado tanto de uma atriz interpretando uma médica como gostei de Mo Yeon. Ela era autêntica, não media esforços para falar o que pensa e uma ótima profissional. Assim como Si Jin, também tive uma espécia de amor a primeira vista por ela kkk 

   Com o tempo Mo Yeon começa a gostar de Shi Jin, e após se encontrarem em Uruk enquanto ela trabalha como médica a mando do direto do hospital, a relação dela com Shi Jin só aumenta. Em nenhum momento achei ela chata ou algo do tipo, pelo contrário, a cada episódio gostava mais da atriz e sua personagem,

   Uma coisa interessante de ressaltar é que ela leva muito a sério seu trabalho como médica e salvar vidas, em alguns momentos do drama notamos cenas no qual ela tem que escolher entre salvar uma pessoa ou outra, decisões difíceis para médicos que levam a carreira a sério.

   Temos o amigo parceiro Seo Dae Young, ele é o melhor amigo do nosso principal capitão. A história dele é que ele é apaixonado por uma de suas parceiras soldadas, Myung Joo, mas ela é filha do cara que é maior escalão dos soldados, que não permite o namoro entre os dois.

   Além da história de romance deles dois, quero comentar da amizade dele com o Shi Jin. Foi uma combinação perfeita! Shi Jin tinha um jeito mais brincalhão e ele tinha um jeito bem mais sério, o que rendeu várias cenas no qual quando os dois tão juntos, dão uma bela sincronia! E nas cenas de ações que os dois estavam juntos eu adorei! Ficava paralisada ao ver cada cena que passava com eles dois. Foi uma das melhores coisas nesse drama.

   Myung Joo será a última personagem principal que eu vou falar, os outros personagens eu falo resumidamente nos outros tópicos. Ela é um soldado e filha do cara mais importante nas forças armadas. É apaixonada por Dae Young, porém seu pai não deixa vivenciar a relação, o que achei bobeira desde o começo e me fez não gostar muito desse drama que Descendants of the Sun  mostrou.

   O drama dela basicamente era esse, ser apaixonada por um cara que trabalha com ela e o pai não concordava com isso. Na verdade não senti um motivo muito forte para eu ter pena do casal, o que não quis dizer que não torci. Mas as cenas deles dois as vezes me cansavam e as vezes eram fofinha, acho que deviam ter trabalhado mais nessa núcleo da história. Faltou a desejar.

   Enfim, Myung Joo é uma mulher forte e séria que não gosta da nossa médica principal (O motivo é revelado depois). No começo achei que ela poderia ser uma vilã da história, mas me enganei. Ela apenas fica como cão e gato com a médica, o que as vezes era até interessante pois ambas eram apaixonadas por soldados que eram melhores amigos mas elas não se batiam.

Enredo Atrativo

   Após a recomendação de uma amiga, li a sinopse e me interessei de primeira. Não quis saber quem eram os atores e assisti o primeiro episódio assim que li e amei o enredo. Em alguns momentos no drama fiquei meio cansada em algumas cenas pois esperava ação a cada 5 minutos do dorama. Porém o drama recorre da seguinte maneira: Temos a ação, depois o drama, o final feliz e depois mais ação. Isso inicialmente me cansou pois esperava só ação, porém me impressionei logo após quando já estava presa no drama pois tinha momento para tudo, para aqueles momentos mais românticos, mais de adrenalina, e mais de drama. Foi tudo mesclado de uma forma boa e gostosa de se assistir.

Personagens Secundários

   Temos os personagens de alguns soldados e temos da equipe médica principal. Cada um tem suas determinadas histórias, contudo tenho que ressaltar que nem tudo foi explorado. Alguns dos personagens principais ficaram muito dispersos no drama, não tendo espaço para mostrar seus acontecimentos. Claro que não são todos, mas o drama deixou a desejar nesse aspecto. Tanto que Descendants of the Sun não soube separar direito os momentos desses personagens, deixando todo o tempo do dorama para os casais principais. Alguns casos isso é bom pois temos o foco no que é realmente importante, mas na maioria dos dramas em que todos os personagens são explorados, fica mais interessante para o desenvolvimento da história.

Cenas de Adrenalina

   Eu gostei! Paralisei na frente do computador enquanto via dos músculos do Joong Ki atuando lindamente na minha frente. Cada ação com as armas e estratégias militares me atraíram muito. Em várias cenas quando os personagens estão enrascados, o nosso principal gatão vai lá e resolve tudo, meu sangue fervia a cada cena que isso acontecia e ficava apaixonada ainda mais pelo drama. Então quem gosta de uma história com uma boa ação, Descendants of the Sun preenche esse vazio.

Fotografia

   Notei isso desde o post do dorama. A fotografia é maravilhosa, o kdrama é recheado com diversas imagens de paisagens e mudanças de câmera com os personagens. Como uma adoradora de fotos posso afirmar que Descendants of the Sun foi um dos poucos doramas que soube trabalhar isso com maestria.

Uma mescla de gêneros

   Comédia é um prato cheio, toda vez tinha um certo tipo de piada que quebrava com o clima pesado do drama e de fato fez eu ri. Quem acompanha o blog desde o começo já deve saber que dificilmente eu riu com produções, o máximo é dar um sorriso, mas esse eu gargalhei em algumas cenas. Foi muito bom!

   A ação também tem vez com diversas cenas de adrenalina como eu já disse no tópico anterior, e a mudança de comédia para ação não era brusca, foi trabalhada na dosagem certa junto com o romance dos nossos personagens.

Romance

   O casal teve MUUUUUITA QUÍMICA! Sério! A cada olhar que eles davam era como se eu mesma sentisse o que eles estavam passando. O que cada um fazia para proteger o outro, até se fosse necessário quebrar regras, eles quebravam. Os atores fizeram seu papel maravilhosamente bem. Não tenho nada a reclamar do casal principal.

   Também temos o casal secundário que é o cara que é amigo do capitão com a Myung. Esse casal não me rendeu suspiros no drama que como eu já disse, achei a história deles meio fraca de ser trabalhada. Mas claro que alguns momentos fofinhos no qual os dois estavam juntos, eu torcia para tudo dar certo.

Trilha Sonora

   Nota 10! Sabe aquele momento em que o cara põe a arma na cabeça do bandido e começa a tocar uma música de suspense muito foda e você acaba entrando no história? Pois é, Descendants of the Sun trabalha isso fodasticamente se assim posso dizer, me deixando ainda mais vidrada e tenho certeza que quem for conferir o drama vai se sentir assim também. Músicas boas na hora certa é a dose perfeita para uma boa ost.

História não Arrastada

   Não sei se vocês perceberam, mas eu vivo postando resenha de jdrama. Sabem por que? Pois eles são curtos e as histórias se resolvem rapidamente. Alguns Kdramas possuem 16 á 20 episódios e muitos deles me cansam pois ficam enrolando na história. Descendants of the Sun ganhou um ponto comigo pois as coisas se resolvem rapidamente. Vi comentários de pessoas que não gostaram justamente por isso, pois sentiram que muitos arcos não foram fechados, mas para mim foi bom e consegui entender perfeitamente a história, cheguei na metade do drama rapidinho e finalizei em um piscar de olhos. Detesto dorama que se arrasta e esse não tive essa sensação, pelo contrário, a sensação das coisas estarem "Passando rápido demais" foi satisfatório para mim.


Colírio nos Olhos



   Para as taradas e tarados de plantão, se preparem para se deliciar com as muitas cenas de soldados sem blusa fazendo corridas para se exercitar kkkk


Sério, não é só uma cena, são várias! u.u


Vilões


   Os vilões desse drama é todos aqueles que se viram contra o governo ou trabalha para o tráfico ou algo parecido. Temos os nossos soldados das forças especiais tentando sempre livrar o mundo do mal. É ai que temos nossas várias ações e cenas de adrenalina. Os vilões foram bem interpretados, sem contar que o vilão principal é um outro gatinho kkkkk Poderiam ter colocado um vilão mais feio não? Mentira, podem colocar mais gostosos que eu não me importo kk



Final

   Como esperado e nada de surpresas para mim, foi um final bom que me deixou com saudades de todos no elenco, principalmente meu queridinho do Joong Ki que já está na minha área de trabalho desde então u.u

   Se você está com medo de ver o drama e acabarem dando uma cagada no final, podem ficar tranquilo que o drama finaliza muito bem.

   É isso gente! Acho que o post ficou um pouco grandinho kk Mas se você chegou até aqui, espero ter tirado algumas dúvidas e que minha opinião sirva para você se decidir em ver o drama. Eu recomendo para quem está a procura de algo mais mesclado.

Por que assistir?
   Mescla tudo que você pode imaginar. Ação, romance, drama, comédia e medicina. Enredo Rápido.

Por que não assistir?
   Talvez se decepcione com a falta de desenvolvimento de história de alguns personagens. Enredo Rápido.





Onde Encontra?

2 comentários :

Quer comentar algo? Fique a vontade! Lembre-se que seu comentário é o motor do blog =D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...